Sobrinho é morto a tiros pelo tio ao chegar em sítio com novilha que ganhou em sorteio em MT, diz polícia

Polícia deve apurar se existia algum desentendimento entre tio e sobrinho ou se o suspeito o confundiu com assaltante. Vítima levou tiro na cabeça e foi encontrada morta em porteira.

Gylson Culca Ferreira — Foto: Polícia Militar de Várzea Grande/Divulgação

Gylson Culca Ferreira — Foto: Polícia Militar de Várzea Grande/Divulgação

Um homem foi morto a tiros na noite desse domingo (12) em um sítio na zona rural de Nossa Senhora do Livramento, a 42 km de Cuiabá. Segundo a Polícia Militar, Gylson Culca Correia, de 44 anos, foi morto por Antônio Ferreira de Souza. O suspeito é tio da vítima.

O crime ocorreu na comunidade Ninho das Águias. Gylson e o amigo estavam em um show de prêmios na associação de moradores. Ele foi sorteado, ganhou uma novilha no evento e levou o animal até o sítio do tio.

De acordo com testemunhas, assim que eles descarregaram a novilha no pasto, eles ouviram o barulho dos disparos. Eles viram Antônio – que é proprietário do sítio – e o alertaram. O próprio sobrinho teria dito para não atirar e o chamou de tio.

Gylson foi baleado na cabeça e morreu no local, perto de uma porteira. Antônio fugiu em uma caminhonete e não foi encontrado. Ele também não se apresentou à polícia.

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamada, mas os médicos constataram a morte da vítima. A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) foi ao local e começou a recolher as primeiras informações.

A polícia deve apurar se existia algum desentendimento entre tio e sobrinho ou se o suspeito o confundiu com assaltante.

O corpo da vítima foi encontrado na entrada de uma porteira e levado ao Instituto Médico Legal (IML).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar