PRESA MÃE ACUSADA DE ESPANCAR E MATAR BEBE EM SANTA RITA DO ARAGUAIA

A reviravolta no caso aconteceu após familiares insistirem na inocência do padrasto da criança

Jaqueline Garcia Vieira foi presa na tarde de ontem (24), em Costa Rica (MS), após a Polícia Civil daquele município cumprir um mandado de prisão preventiva expedido pela Comarca de Mineiros. Jaqueline é investigada pela morte de sua filha, Emanuelly, de um ano e três meses, em abril deste ano. A vítima morreu após ter sido espancada em Santa Rita do Araguaia (GO). Na ocasião o padrasto da criança, Gabriel Álvaro chegou a assumir a autoria do crime, mas a Polícia Civil de Mineiros descobriu que o espancamento foi causado pela própria mãe.

Desde o dia do crime familiares de Gabriel protestaram contra a sua prisão, afirmando que ele não tinha nenhum envolvimento com o caso. Álvaro assumiu a autoria acreditando que Jaqueline estivesse gravida dele. Gabriel está preso a quase 70 dias pelo crime de alto acusação e deve ser ouvido, juntamente com outras testemunhas, nos próximos dias. “Estamos esperançosos com a liberdade dele o mais breve possível”, afirma uma tia de Gabriel.

A reviravolta no caso aconteceu após familiares insistirem na inocência de Gabriel. O delegado Marcos Guerini concluiu, durante as investigações, que Jaqueline teria agredido a filha, batendo a cabeça dela contra a parede, em duas situações diferentes na mesma noite. O bebe não resistiu aos ferimentos e morreu em uma unidade hospitalar de Rondonópolis (MT) no dia 19 de abril deste ano.

FONTE: VERDE VALE FM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar